No ambiente empresarial, com a grande quantidade de informações gerada pelos sistemas e pelo compartilhamento de documentos digitais, armazenar dados em um computador pessoal ou em servidores físicos se tornou muito arriscado.

Por isso, neste post vamos apresentar o cloud server, uma excelente alternativa para aumentar a organização, a segurança e a confiabilidade dos dados corporativos.

Descubra agora como essa tecnologia não só garante a segurança de dados, mas também aumenta a competitividade de qualquer negócio!

A importância dos servidores para o ambiente corporativo

Para resolver problemas de organização, segurança e confiabilidade das informações, as empresas têm investido cada vez mais em servidores de aplicações e dados — computadores criados com a função de atender outros computadores ou máquinas. A conexão entre servidores e clientes se dá por meio de uma rede de computadores interna ou online.

Nos servidores estão centralizados todos os sistemas, serviços e dados necessários para o desenvolvimento das atividades da organização, sejam atividades administrativas ou de produção.

Os servidores são feitos para estarem disponíveis sete dias por semana, 24 horas por dia. Ou seja, a disponibilidade dos serviços deve ser total, sem travamentos ou falhas de acesso.

É por meio dos servidores que as empresas garantem mais integridade dos dados, maior capacidade de armazenamento, alta disponibilidade de recursos e total segurança da informação.

Quer saber outras vantagens do uso de servidores para as empresas? Fique atento aos próximos tópicos!

Principais aspectos da segurança de dados

Quando se trata de segurança de dados todo o cuidado é pouco. É por isso que os servidores são equipados com componentes de alta performance, capazes de garantir que as informações das empresas nunca serão perdidas.

Além do uso do servidor, um outro recurso muito importante no aspecto da segurança de dados é o backup, comumente conhecido como uma cópia de segurança de todas as informações mantidas no servidor.

O processo de backup é realizado periodicamente — de forma diária, semanal, mensal ou anual —, dependendo da estratégia de segurança de dados da empresa.

Os servidores também oferecem o recurso de espelhamento de informações, em que todos os dados são armazenados automaticamente e simultaneamente em dois locais diferentes, podendo ser em um HD externo e na nuvem (cloud).

Com todos esses recursos disponíveis, a empresa garante total segurança sobre os dados produzidos e confiabilidade na restauração dessas informações em caso de problemas.

Cloud computing e cloud server

Dois pontos importantes ao se falar sobre servidores é falar de cloud computing e cloud server.

Cloud computing, ou computação em nuvem, é um conceito de oferecimento de serviços em que existe um local (nuvem), fora das instalações da organização, onde estão disponíveis recursos de hardware, software e outros serviços, e todos esses recursos podem ser acessados de forma online.

Cloud server é um pedaço dessa nuvem, onde estão os servidores e demais recursos de processamento de informações que foram contratados por uma empresa específica.

Com o cloud server, a empresa terá acesso às tecnologias mais inovadoras do momento para o seu ramo de negócio, sem ter a preocupação de investir capital para a compra de novos servidores.

Nesse modelo de negócio, os equipamentos e recursos de computação são escaláveis, podendo ser reduzidos ou aumentados de acordo com a demanda da organização, e os novos recursos são disponibilizados conforme programação do cliente. Essa programação pode ser realizada por meio de painéis de controle disponibilizados ao cliente pelo próprio provedor de cloud server.

Vamos agora entender o que é cloud server gerenciado? Vamos lá!

Cloud server gerenciado

Cloud server gerenciado é um ambiente de servidores em nuvem, controlado pela empresa provedora dos serviços de cloud server.

Com o gerenciamento do servidor por conta do provedor, a organização não precisa se preocupar com detalhes técnicos de TI, ela apenas diz ao provedor que tipo de equipamentos e recursos necessita e pronto!

O provedor do serviço é quem executa todo os processos de instalação, configuração, monitoramento e manutenção necessários para o perfeito funcionamento do ambiente. É a equipe de especialistas em TI do provedor que fará backups, monitorará recursos e garantirá atualizações de hardware e software no ambiente dos servidores.

Com o uso do cloud server gerenciado, o gestor de TI da organização tem mais tempo para se dedicar a assuntos estratégicos e de crescimento do negócio, pois o gerenciamento do servidor estará seguro e garantido por um provedor especializado.

Vantagens do cloud server para os negócios

Uma das principais vantagens do cloud server para os negócios da empresa é o suporte de TI especializado. Porém, existem outras vantagens valiosas que vamos conhecer a seguir:

  • redução de custos com equipamentos;
  • redução de custos com equipe de TI interna;
  • maior segurança dos dados;
  • maior acessibilidade ao servidor;
  • alta disponibilidade dos recursos;
  • flexibilidade na contratação de novos recursos;
  • escalabilidade conforme a demanda da organização;
  • atualização constante de hardware e software;
  • acesso à melhor infraestrutura de TI do mercado, aumentando o poder de computação e armazenamento de dados;
  • sustentabilidade.

Comparativo entre servidor na nuvem e servidor físico

Além das vantagens já apresentadas para o cloud server, há outros itens que ilustram bem um comparativo entre servidor na nuvem e servidor físico.

Por exemplo, para um serviço na nuvem existe um contrato de aluguel do servidor que será utilizado exclusivamente pela empresa contratante, por um período de tempo, gerando economia para a empresa.

Já para um servidor físico instalado dentro da empresa o que existe é uma nota fiscal de compra e um alto valor investido em equipamentos, que se tornam ativos e sofrem depreciação — além de mão de obra especializada em TI.

Outro exemplo prático é o tempo de indisponibilidade do servidor. Para um servidor na nuvem essa indisponibilidade praticamente não existe, visto que se algo acontecer ao servidor principal um outro entra em cena espelhado com os mesmos dados e funções, garantindo o acesso aos serviços.

O mesmo não acontece com um servidor físico, que no caso de alguma falha deixa o serviço indisponível, ou seja: há interrupção operacional para a organização até que o problema seja resolvido.

Viu só como o cloud server é a tecnologia mais segura para a sua empresa? Aproveite e confira como contratos flexíveis de TI impactam na redução de custos das organizações!