Malware ou software malicioso de acordo com o ESET Security Report 2018, é a principal preocupação de 53% das empresas na América Latina. O relatório anual

https://www.welivesecurity.com/br/2018/07/02/malwares-principal-causa-de-incidentes-na-america-latina/ apontou ainda que 45% dos participantes sofrido um incidente de segurança relacionado com algum tipo de malware.

Na edição de 2018 deste relatório, concluiu-se que a engenharia social e a exploração de vulnerabilidades permaneceram como os principais vetores de infecção quando se tratava de comprometer os serviços de uma empresa. Sabemos que um cibercriminoso pode executar distintas ações maliciosas para comprometer os sistemas de uma organização – e a continuidade dos negócios -, os dados do ESET Security Report 2019 mostram que apenas 28% das empresas latino-americanas organizam suas informações.

O problema do malware no mundo é fato para pessoas e empresas, e eventualmente os esforços para evitar que essa ameaça cause estragos nem sempre são suficientes. É necessário manter e ampliar o uso de tecnologia de segurança, que envolve ações que compreendem instalação, configuração adequada e atualização contínua, além de nova cultura e gestão eficiente do ambiente de Tecnologia da Informações.

O que é o malware

 O software malicioso ou malware é um software que infecta sistemas secretamente e surgem de várias maneiras, tanto pode ser um código executável, scritpts de conteúdo ativo, ou outros softwares.

Como o malware ataca o seu sistema?

A internet é a principal porta de entrada de ataques causados por um software malicioso e normalmente está oculto ou disfarçado em outros arquivos, entretanto computadores desprotegidos, tanto pessoais, quanto de rede, estão constantemente em risco e expostos às ameaças.

Entender como um software malicioso age, que acaba por causar danos na sua empresa, auxilia no entendimento sobre o que é malware, como funciona, suas diferentes além categorias e permite atuar na prevenção.

Conheça alguns tipos de malware?

 Vírus – capazes de se espalhar amplamente, surgem em forma de arquivo executável, são presos em arquivos íntegros e infectam outros arquivos igualmente limpos e íntegros. O vírus espalha rapidamente, sem controle e danificam as funções centrais do sistema, excluindo ou corrompendo arquivos.

Cavalo de Tróia – O nome faz referência a tática usada na Guerra de Tróia. Segundo a mitologia Grega, um grande conflito entre Aqueus da Grécia e Troia e esta guerra durou aproximadamente 10 anos, aconteceu entre 1300 e 1200 a.C. Conta a lenda, que a guerra iniciou a partir de uma disputa entre as deusas Hera, Atena e Afrodite. A guerra terminou após a execução do grande plano do guerreiro grego Odisseu, que presenteou os troianos com um grande cavalo de madeira. O líder informou que estava desistindo da guerra e que o cavalo era um presente de paz. Os troianos aceitaram e o enorme presente foi conduzido para dentro de seus muros protetores. O exército passou a noite em comemoração e dormiram exaustos, até que as portas, que existiam na estrutura de madeira em formato de cavalo se abriram e dele saíram centenas de soldados gregos. Eles abriram as portas para que a cidade de Troia fosse destruída.

Locação de notebooks, computadores e smartphones - Seus dispositivos estão livres de ataques de malware?Powered by Rock Convert

O cavalo de Tróia, o virús é um programa que simula alguma funcionalidade, mas esconde um programa que pode causar diversos danos para os sistemas, pois possibilita invasões e roubo de informações dos usuários. Também é propagada pela internet.

Spyware – É um espião que coleta informações. O vírus se esconde em segundo plano e guarda as informações de tudo que o usuário faz online, desde senhas e números de cartões – até hábitos de navegação.

As falhas de segurança são a principal porta de entrada para o Spyware.

Ransomware – Software malicioso é baseado em cripto virologia e também conhecido como vírus de resgate, pois sequestra (ao criptografar) os dados do usuário ou o controle do sistema da empresa, mediante pagamento de um resgate.

Existem muitos outros tipos de softwares maliciosos, mas citamos apenas alguns para demonstrar a seriedade deste tema para os ambientes corporativos e algumas medidas simples, são necessárias e o melhor caminho é a prevenção.

Medidas de prevenção

A adoção de software antivírus e anti-malware são eficientes, mas a mudança de hábitos em relação ao consumo online deve ser prioridade, além de um programa de defesa, sem falar em firewall, backups físicos e/ou Cloud, além de manutenção do sistema operacional.

Mas como garantir a segurança de dispositivos alugados?

A Agasus oferece servidores, computadores e tabletes no modelo de locação de equipamentos com SaaS, que inclui soluções no combate contra vírus, ataques e várias outras ameaças no ambiente de TI. Oferece serviços de backup, recuperação de dados e conta com técnicos certificados, que garantem processos ágeis e de alta performance.

Os serviços de locação incluem os tradicionais modelos de manutenção (SLA pré-determinado) e o gerenciamento de falhas e performance dos equipamentos, aumentando significativamente a disponibilidade do ambiente monitorado

Que tal repensar a forma de aquisição de hardware para a sua TI e optar pelo modelo de locação? Além de proteger o seu capital, a sua empresa ganhará eficiência e muito mais segurança.

Entre em contato com a nossa equipe de consultores e entenda como seu negócio pode ter acesso aos melhores serviços e soluções na área de TI.